domingo, 20 de março de 2011

FLORES ESCONDIDAS

Espatódea
Nome científico: Spathodea campanulata 
Família botânica: Bignoniaceae
Origem: África Central



Mais informações, aqui.


MARÇO 2011 415(1)


Estou aprendendo muito com esse blog, pois a cada postagem, faço uma pesquisa. Rápida, apenas o necessário para não falar besteira.


O assunto deste post é bem curioso.


A árvore das fotos também "já veio com a casa", como o coqueiro de ontem. Nesse caso, foi uma festa, pois meu pai é apaixonado por ela, sempre foi. E como eu sou Maria-vai-com-as-outras, e não resisto a uma flor alaranjada, me apaixonei também. Tá, eu me apaixono por todas as flores, ainda mais quando dão em árvores. Mas voltando ao assunto...


Nas tempestades de 2009 a espatódea foi atingida e acabou perdendo alguns galhos, que quebraram com o vento. Ela não deu flores entre 2009 e 2010 (ela floresce no verão), mas eu esperava flores entre 2010 e 2011. Assim, fiquei bem decepcionada quando não vi nenhuma flor nesse último verão. 


Não que eu vá exigir que as árvores floresçam, mas ela estava bem bonita, bem contente, achei estranho não ter floração.


Um dia, em meados de fevereiro, eu estava andando pelo pátio e vi umas flores vermelhas, secas, no chão. A cena era impagável: eu olhava do chão para o alto, do chão para os lados, parecia uma sonda espacial, tudo isso com o objetivo de saber de onde tinham vindo aquelas flores. 


Finalmente me convenci de que elas só poderiam ter vindo da árvore em questão. Aí fui olhando para o alto, alto, alto, quase caí. Não vi flor nenhuma. 
Mas concluí que a árvore, danadinha, estava escondendo as flores de mim.


E não é que era isso mesmo, ou quase? Ela deu flores láááá em cima, ultrapassando o telhado. Só conseguimos vê-las por outro ângulo, de preferência bem de longe.


E bem de longe tirei essas fotos, agradecendo ao zoom 18x da Panasonic, minha fiel companheira de aventuras pelo pátio. 


MARÇO 2011 416(1)


A primeira foto já tinha ficado boa, é a melhor na minha opinião, mas tirei a segunda porque a minha mãe disse que eu não ia conseguir driblar a chaminé. Hum, imaginem só. Aumentei o zoom. 


2 comentários:

msgteresa disse...

Oi,Paty!
Que árvore espertinha,hein?(Rs...) Fazendo segredo das suas flores...(Rs...) Mas,brincadeiras à parte, eu acredito que se as flores só estavam aparecendo nos galhos superiores,deve ser devido à exposição maior desses galhos à luz solar... Uma hipótese bem provável,né? Realmente são flores muito bonitas e acho que no próximo ano elas virão em um número bem maior! Uma festa para os olhos daqueles que sabem apreciar a beleza da natureza!
Beijo pra vocês aí na encantadora Espanha!
Teresa

Fabiano Mayrink disse...

Paty legal, já teve vezes que uma das arvores que tem em frente minha casa não floriu um ipe, ai fiquei triste pensando o que poderia ter acontecido, mais no outro ano ela deu muitas flores rosas bonitas!! Mais saber o que se passa na mente das plantas né! rs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...